Vereadores zenobistas e paulinistas se confraternizam e imprensa estranha

Um jantar de confraternização realizado essa semana reuniu vereadores paulinistas e zenobistas num mesmo ambiente. Em um restaurante de Guarabira, os parlamentares e alguns convidados, participaram de uma “boca livre”, bancada pelo secretário de Educação, Raimundo Macêdo, segundo informa a imprensa.

De acordo com informações do repórter Martins Júnior, da Rádio Cultura FM, o encontro foi para marcar a despedida do vereador Raimundo, que deixou a Câmara para reassumir a Educação e teria sido articulado pelo próprio Macêdo, que também teria bancado a farra.

A imprensa estranhou que bancadas opostas na Câmara tenham se reunido amistosamente. Ainda segundo Martins, no local, foi pedido para não tratar sobre polícia, o que é praticamente impossível num ambiente com diversas lideranças políticas.

Nos bastidores, os observadores da cena política avaliam que não havia motivos para a confraternização, visto que não é período para esse tipo de evento (geralmente ocorre em final de ano e em junho). Há quem diga que Raimundo quis mostrar força e articulação com o segmento político para fazer sombra ao vice-prefeito Marcus Diogo. Os dois são pretensos candidatos à sucessão de Zenóbio.

Não estiveram presentes os vereadores, Marcelo Bandeira (presidente da Câmara), Neide de Teotônio, Marcos de Enoque, Wilson Filho, Renato Meireles e Jáder Filho. Não há informações se eles foram ou não convidados.

Homem forte da gestão do prefeito Zenóbio Toscano (PSDB), Cláudio Melo, secretário de Finanças, estava presente no jantar.

Portal25Horas


DEIXE SEU COMENTÁRIO