Paraibana é encontrada morta dentro de apartamento em SP

Laninha foi encontrada morta dentro de um apartamento (Foto: Reprodução / Facebook )

A cidade de Santa Helena, no Sertão paraibano, acordou de luto na noite dessa segunda-feira (5), após tomar conhecimento da morte da professora Francilânia Ribeiro Pinheiro, de 41 anos, popularmente conhecida como ‘Laninha’, em São Paulo. A professora foi encontrada morta no início desta manhã em um apartamento, após os vizinhos sentirem um mau cheiro no imóvel e acionarem o síndico do prédio.

O fato repercutiu nas redes sociais, onde amigos e familiares lamentaram o ocorrido. As causas da morte estão sendo investigadas pela polícia paulista.

Portal Correio conversou com uma amiga da vítima, a quem vamos chamar de ‘Isadora’, pois ela preferiu não se identificar. Segundo ‘Isadora’, Laninha era uma pessoa carismática e muito conhecida na cidade.

Ela também relatou que o esposo de Laninha era agressivo e que o casal tinha uma relação conturbada. “Todo mundo sabia que ele era agressivo, pois já teve agressões explícitas a ela, mas ela continuava com ele”, revelou.

De acordo com ‘Isadora’, Laninha estava casada havia dois anos e chegou a abandonar o curso de Psicologia que fazia em uma faculdade particular para viver com o esposo.

Vítima deixa filha

De acordo com Isadora, Laninha tinha uma filha adolescente, fruto de um outro relacionamento amoroso.

Laninha disputou eleições de 2012

Em 2012, Laninha disputou uma das vagas na Câmara Municipal de Santa Helena pelo PSDB, mas não foi eleita. Na oportunidade, ela terminou o pleito na condição de suplente após obter 104 votos.

Velório ainda não foi definido

O dia e horário do velório e sepultamento não foram definidos por que o corpo da vítima aguarda liberação do Instituto Médico Legal (IML).

Portal Correio

DEIXE SEU COMENTÁRIO